Categorized | Estudos Bíblicos

Rasgando os Véus

Posted on 02 maio 2012 by admin

Hebreus 9:3: “por trás do segundo véu, se encontrava o tabernáculo que se chama o Santo dos Santos”

INTRODUÇÃO

A palavra véu, no hebraico paroketh, significa “separação”, vindo a significar “fechar”, “barrar”. Era uma cortina que separava/ fechava a entrada para o Santo dos Santos.

Quero tomar emprestada a ideia do véu para demonstrar alguns tipos de “véus espirituais” que até hoje nos impedem de acessar algumas coisas em Deus:

1º. O VÉU DA EXIGÊNCIA DO MORALISMO

Levítico 21:23: “Porém até ao véu não entrará, nem se chegará ao altar, porque tem defeito, para que não profane os meus santuários, porque eu sou o SENHOR, que os santifico” (a partir do vs. 15).

No Antigo Testamento era necessário que o sacerdote fosse fisicamente perfeito. Isso demonstrava perfeição de caráter e de coração. Mas Nenhum homem na terra a possuía. Somente Cristo.

Esse véu nos impede de termos uma experiência com Deus, porque nos mostra as nossas imperfeições e nos faz sentir em condenação.

• Pessoas que não vêm a Cristo porque se acham moralmente imperfeitas;
• Pessoas que não abraçam o ministério (cumprem o ministério) porque se veem moralmente imperfeitas.

1Jo 1.9-2.1

Nosso alvo é a perfeição, mas enquanto estamos em busca dela, vamos servindo ao Senhor confiando que a graça de Deus preenche as lacunas deixadas pelo nosso caráter imperfeito.

2º. O VÉU DO CLASSICISMO SACERDOTAL

Hebreus 9:6,7: “Ora, depois de tudo isto assim preparado, continuamente entram no primeiro tabernáculo os sacerdotes, para realizar os serviços sagrados; mas, no segundo, o sumo sacerdote, ele sozinho, uma vez por ano, não sem sangue, que oferece por si e pelos pecados de ignorância do povo”

Havia uma classe sacerdotal especial que só ela podia ter acesso ao Santo Lugar.

• Por muitos anos separamos as pessoas entre clero e povo
• Ainda hoje muitos se valem da sua posição de liderança para sustentar algumas prerrogativas sobre as pessoas

o Dominam o rebanho – 1Pe 5.4
o Exploram o rebanho – Mc 12.40; 1Sm 2.12-17
o Manipulam o rebanho – 3Jo 1.9,10
o Sustentam-se em títulos e posições.
o Sentem-se donos da unção

1 Pedro 2:9: “Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”

Apocalipse 5:10: “e para o nosso Deus os constituíste reino e sacerdotes; e reinarão sobre a terra”.

3º. O VÉU DOS ARTIFÍCIOS HUMANOS

2 Coríntios 3:13: “E não somos como Moisés, que punha véu sobre a face, para que os filhos de Israel não atentassem na terminação do que se desvanecia”.

Embora aqui não seja o véu do templo, quero tomar emprestado aqui o conceito de véu que é: “fechar”; “barrar”; “impedir”

Métodos, estratégias e programas humanos só escodem o quando o Espírito Santo não está mais entre nós. Tentamos nos cercar de aparatos para esconder uma glória que não existe mais.

Gastamos milhares (e até milhões) em tecnologia e não investimos em oração e busca da face de Deus!

“Glória que se desvanecia”:

• O fogão está apagado, mas só continua quente;
• Escondemos que Deus não está mais ali e ocupamos o povo com programas e artifícios humanos;
• Quando menos INSPIRAÇÃO, mais TRANSPIRAÇÃO!

4º. O VÉU DA RELIGIOSIDADE

2 Coríntios 3:14,15 “Mas os sentidos deles se embotaram. Pois até ao dia de hoje, quando fazem a leitura da antiga aliança, o mesmo véu permanece, não lhes sendo revelado que, em Cristo, é removido. Mas até hoje, quando é lido Moisés, o véu está posto sobre o coração deles”.

Faz-nos enxergar só rituais, liturgias e forma, impedindo-nos de ter a revelação de quem é Cristo.

2 Coríntios 3:16: “Quando, porém, algum deles se converte ao Senhor, o véu lhe é retirado”.

2Co 3.17,18

Efésios 1:16-19: “não cesso de dar graças por vós, fazendo menção de vós nas minhas orações, para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos conceda espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele, iluminados os olhos do vosso coração, para saberdes qual é a esperança do seu chamamento, qual a riqueza da glória da sua herança nos santos e qual a suprema grandeza do seu poder para com os que cremos, segundo a eficácia da força do seu poder”

OUTROS VÉUS

Talvez você se depare com muitos outros véus:

• O véu da impossibilidade de entrar numa nova dimensão em Deus
• O véu da incredulidade que lhe impede de crer e desfrutar a promessa
• O véu da miséria financeira, da ruína e esterilidade ministerial e profissional;
• O véu do racionalismo humano (sabedoria do mundo) – 1Co 3.19;

2 Coríntios 3:6: “o qual nos habilitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica”.

A EXPESSURA DO VÉU

O véu do templo era extremamente espesso e resistente. Tinha uma largura de uma mão de espessura, tecido com 72 dobras torcidas, cada uma feita com 22 fios. Media cerca de 18 metros de altura por 20 de largura. Seria necessário uma mão poderosíssima para rasga-lo.

MAS EU TENHO UMA BOA NOTÍCIA PARA LHE DAR: LIVRE ACESSO!!

Mateus 27:50, 51: “E Jesus, clamando outra vez com grande voz, entregou o espírito. Eis que o véu do santuário se rasgou em duas partes de alto a baixo; tremeu a terra, fenderam-se as rochas”

Hebreus 10:19, 20: “Tendo, pois, irmãos, intrepidez para entrar no Santo dos Santos, pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou pelo véu, isto é, pela sua carne”

CONCLUSÃO

Em Cristo temos LIVRE ACESSO a tudo aquilo que os véus nos impediam de desfrutar. Precisamos de uma verdadeira experiência com Cristo para esse véu ser rasgado em nossas vidas!

• João Batista: Quando o véu da velha aliança se rasgou, ele viu o “Cordeiro de Deus” – 1 Jo 1.29
• Tomé: Quando o véu da incredulidade se rasgou, ele disse “Senhor meu e Deus meu” – Jo 20.28
• Maria Madalena: Quando o véu da religiosidade se rasgou ela não mais um Jesus morto, mas o “Raboni” – Jo 20.16
• Cego de Siloé: Quando o véu da cegueira espiritual se rasgou ele viu “O Filho de Deus” – Jo 9.35-37
• Paulo: Quando o véu da religiosidade se rasgou, ele viu a glória de Cristo – At 9.5

Marcos Arrais

MAIS ESTUDOS…

Leave a Reply

Advertise Here
Advertise Here